Validade do Exame Periódico – Entenda mais

Validade do Exame Periódico - Entenda mais

Compartilhe:

Estar atento à validade do exame periódico é fundamental para as empresas se manterem em conformidade com a lei. Além de ser um cuidado essencial para dispor de uma equipe sempre saudável e produtiva. Confira no post de hoje de quanto em quanto tempo este exame precisa ser realizado e como acompanhar de perto as datas para não deixar passar o prazo.

Importância de manter a validade

A validade do exame periódico deve estar dentro de um prazo estabelecido pela Norma Regulamentadora NR 7. Sua importância é elementar tanto para trabalhadores como para empregadores. 
Os empregadores, ao estar atentos à validade do exame periódico dos funcionários, se preservam das penalidades legais. Também reduzem o número de faltas ocasionadas por motivo de saúde – que é um das principais razões de absenteísmo. 
Além de garantir, com este cuidado, que sua equipe apresente sempre o melhor desempenho. Sem falar que melhora consideravelmente a imagem da empresa perante o mercado, demonstrando preocupação pela saúde de seus colaboradores.
Já para os trabalhadores, procurar manter a validade em dia é uma forma de se manter saudável. É, também, uma maneira de se reduzir a possibilidade de arbitrariedades no processo em caso de obtenção do auxílio doença.

Lorem Ipsum

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s.

Validade do exame periódico

As disposições da NR 7 é que regulam a validade. Já a obrigatoriedade deste exame estão previstas no Programa de Saúde Médico Ocupacional (PCMSO). 333333333333333333333333333333333
Segundo estas disposições, a validade do exame periódico pode variar. Para trabalhadores expostos a riscos, o prazo é um, enquanto para os demais trabalhadores, o prazo é outro.
A validade do exame periódico pode vencer a cada ano, ou em intervalos menores. Também pode ser determinada segundo o previsto no Anexo nº 6 da NR 15 – para trabalhadores expostos a condições hiperbáricas. Esses casos se aplicam a trabalhadores que são expostos a riscos ou situações de trabalho que promovam o desenvolvimento ou agravamento de doenças ocupacionais. Assim como para colaboradores portadores de doenças crônicas.
Para trabalhadores que não estão expostos à condições debilitantes, a validade do exame periódico pode ser anual. Isso vale para a faixa etária de menores de 18 anos e maiores de 45 anos. Já colaboradores que tenham entre 18 e 45 anos, o exame precisa ser feito a cada dois anos.

Como otimizar o acompanhamento da validade do exame periódico?

Acompanhar a validade do exame periódico dos trabalhadores, como vimos, é mais uma das tarefas do departamento de recursos humanos.
Para tornar este acompanhamento mais prático, muitas empresas utilizam o sistema de gestão integrado. De forma simples e eficiente, o sistema pode identificar os exames que estão perto da data de vencimento. Além disso, a solução também pode ser utilizada para realizar os agendamentos de novos exames. 
Nosso módulo StarSoft Applications Medicina, por exemplo, possui estas e muitas outras facilidades. Com ele, você pode realizar o gerenciamento de exames ocupacionais e complementares. 
O sistema possui também um campo que permite visualizar em tempo real qual exame/colaborador está pendente.
Curioso(a) para saber mais sobre esta solução? Então acesse este link para conhecer todas as funcionalidades desta ferramenta e preencha o formulário para solicitar uma demonstração.

Lorem Ipsum

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s.

Artigos relacionados

Quais as prioridades de tecnologia para 2022, segundos CIOs?
Como um CHRO pode se tornar mais estratégico em 2022?
Gestão Ágil veio para ficar ou é uma tendência passageira?