Novos pilares do RH: entenda como experiência, tecnologia e sociedade influenciam o setor

Compartilhe:

 Já percebemos o quanto os Recursos Humanos têm evoluídos nos últimos tempos, especialmente desde 2020, em que o setor foi peça crucial para a adaptação ao trabalho remoto e atuais maneiras de se contratar. Assim, novos pilares do RH surgiram e foram impulsionados a fim de gerar bons resultados para as equipes e negócios. 

Entenda mais sobre o assunto, neste artigo. Leia até o final e compartilhe com quem quer se atualizar acerca das novidades de RH. 

Lorem Ipsum

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s.

Por que o RH tem reinventado seus pilares? 

Com essa transformação que ocorreu nos últimos dois anos, os líderes dos recursos humanos compreenderam que precisam avançar a novos caminhos da gestão de RH e atividades do setor.  

Desse modo, incluíram novos pilares a cultura de contratação e gestão de pessoas, vinculando transformação digital a experiência dos colaboradores e maneira como essa relação pode ser tratada. 

A última edição da pesquisa promovida pela KPMG, intitulado “O futuro do RH: lições dos desbravadores”, constatou que as empresas consideradas inovadores estão em busca de um papel disruptivo para os recursos humanos. 

Conforme afirmações retiradas da análise desse estudo, trata-se de organizações que investem em um RH concentrado em integração.

Também se importa com people analytics, experiência dos colaboradores, força de trabalho qualificada, retenção de talentos, RH digital e aprendizado constante. 

Além disso, o RH também começou a levar em consideração que o perfil dos trabalhadores também se modificou. Hoje, há um grande número de talentos mais desbravadores.

Portanto, esses talentos e importam com a adesão da transformação digital nas empresas e que dão mais valor à cultura organizacional das instituições.


Assim, as instituições que prezam por esses novos pilares tendem a serem mais positivas em relação ao futuro do trabalho, obtêm resultados elevados e reportaram maiores níveis de confiança dos membros das equipes. 

Responsabilidade social empresarial como um dos pilares do RH 

A responsabilidade social empresarial está bastante embasada no ESG (Environmental, social and corporate governance).

O ESG é um compromisso das instituições de desenvolver atividades para um mundo melhor, inclusive com ações focadas na sociedade. 

Mas, como o RH entra nessa tarefa? Bom, os recursos humanos atuam na responsabilidade social das empresas a partir de uma atuação estratégica, pois oferecem suporte aos colaboradores e executa ações e programas de reconhecimento individual e coletivo. Alguns exemplos, são: 

  • Aplicação do Código de ética e conduta; 
  • Criação de políticas de desenvolvimento profissional, treinamento e empregabilidade; 
  • Adoção de programas de saúde, segurança e condições de trabalho; 
  • Forte políticas de não discriminação; 
  • Promoção da equidade racial e de gênero; 
  • Apoio a projetos internos de inclusão. 

Leia também: Ouvindo a voz do colaborador: diversidade, equidade e inclusão 

Complemente seu conhecimento com: Importância das boas práticas de governança em ESG e compliance 

Experiência do colaborador entre os pilares do RH

Vindo com a onda do “User Experience”, a experiência do colaborador é uma preocupação do RH que, se bem aplicada, auxilia positivamente no employee experience e clima organizacional das empresas, além de proporcionar maior de retenção dos talentos. 

Assim, quando falamos de experiência voltada ao colaborador, pensamos em como o profissional está interagindo com gestores, membros, sistemas e ferramentas, e com o próprio RH. 

Então, ao avaliar a interação com a tecnologia, não somente usabilidade é um diferencial, como também uma interface é um fator primordial. 

Como resultado, o RH consegue ter maior sinergia com os colaboradores, líderes percebem uma maior qualidade na entrega dos profissionais e os clientes sentirão essa diferença, a partir de uma experiência otimizada e trabalhadores mais satisfeitos.   

Sugestão de leitura: Como o conceito de UX auxilia no employee experience? 

Tecnologia no RH 

A transformação digital aplicada ao RH proporcionou a adoção de ferramentas e procedimentos capazes de agilizar processos, melhorar a produtividade e tornar o setor ainda mais estratégico. 

O que isso significa na prática? Que a tecnologia digitalizou atividades e, com isso, desvinculou processos burocráticos da gestão de RH, o que algo era constante para esse setor. 

Assim, os profissionais de recursos humanos passam a ter mais autonomia e liberdade para exercerem suas funções e ampliar a comunicação com líderes e colaboradores. 

Além disso, as atividades que, naturalmente, são mais burocráticas, como as entregas de informações trabalhistas, passaram a ser mais dinâmicas e acompanhar a digitalização do governo com o eSocial. 

Entretanto, para que esses benefícios sejam, de fato, obtidos, é essencial que sejam adotadas ferramentas, recursos e tecnologias capazes de impulsionar o RH. Veja alguns exemplos: 

  • Sistema de recrutamento e seleção; 
  • Software de gestão de RH 
  • Ferramentas de admissão digital; 
  • Portal RH para se comunicar com os colaboradores. 

Especialmente o portal para se comunicar com os trabalhadores vem sendo uma ferramenta cada vez mais popular no setor de recursos humanos, pois proporciona autonomia aos colaboradores, diminui erros de comunicação e dinamiza bastante o dia a dia dos profissionais de RH. 

Curtiu esse conteúdo e gostaria de saber mais sobre o que é o Portal RH? Não deixe de ler outros materiais em nosso blog e falar com nossa equipe especializada, entre em contato agora 

Adoraremos te ajudar a escolher as melhores soluções para o seu RH.

Lorem Ipsum

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s.

Artigos relacionados

Quais as prioridades de tecnologia para 2022, segundos CIOs?
Como um CHRO pode se tornar mais estratégico em 2022?
Gestão Ágil veio para ficar ou é uma tendência passageira?