5 Principais erros na gestão de pessoas

Compartilhe:

Liderar com sabedoria requer identificar erros na gestão de pessoas e solucionar esses problemas, a fim de reter talentos, melhorar a performance dos colaboradores e ampliar os resultados.  

Lorem Ipsum

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s.

Mesmo que seja um ponto de atenção, ainda há gestores que acreditam que apenas formar o “time perfeito” é o suficiente. Mas, na realidade, a gestão de pessoas é fundamental.  

A questão está justamente em como líderes conseguem formar e gerir equipes, de maneira que eles consigam reter essas pessoas e ter excelentes colaboradores, com uma excelente liderança.  

Por isso, criamos este conteúdo para auxiliar vocês na gestão de pessoas correta e humanizada. Sendo assim, leia o texto na íntegra e entenda mais sobre o tema.  

O que é gestão de pessoas? 

A gestão de pessoas é uma área muito importante para o RH e para a empresa em si. Nela, o líder administra o capital humano de sua organização e é responsável por colocar em prática   

Assim, o gestor aplica a gestão de pessoas para conciliar e alinhar interesses mútuos, a partir de um conjunto de estratégias e auxílio dos recursos humanos.  

Dessa forma, valoriza-se o trabalhador, o entrosamento, capacitação, engajamento e desenvolvimento, a fim de gerar bons resultados.   

A gestão de pessoas percorre um caminho, como: desenvolvimento de perfil profissional, a identificação no mercado de trabalho e a escolha da pessoa, mas não finaliza na contratação.   

Nas próximas etapas, o líder acolhe esses talentos, auxilia em sua adaptação e faz com que esses profissionais permaneçam. Assim, é possível obter sucesso nas atividades.  

Portanto, a gestão de pessoas assertiva ocorre desde o primeiro contato do candidato com a sua empresa/marca, até a contratação e jornada dos talentos na organização, possibilitando vantagem competitiva.   

Saiba “Tudo sobre gestão de pessoas” neste artigo  

O que é People Analytics?   

Você sabia que People Analytics faz parte de uma gestão de pessoas eficaz? Sim, gestores e líderes podem utilizar como uma das estratégias para gerir os colaboradores.  

Então, entenda o que é People Analytics, para que você consiga desenvolver a técnica em sua empresa. Acompanhe!  

O People Analytics é um método empresarial que ocorre a partir da análise de dados dos colaboradores. Assim, os líderes conseguem atuar de maneira estratégica em relação às equipes.  

Dessa forma, os gestores conseguem melhorar a gestão de pessoas, diminuindo a rotatividade, atraindo e retendo talentos. Consequentemente, os profissionais obtêm melhor satisfação e eficiência.  

Portanto, é importantíssimo que você entenda mais sobre métricas. Essa análise contribui para entender as conexões e objetivos do People Analytics.  

Como aplicar o Peoply Analytics corretamente?  

Existem algumas tarefas que tornam o People Analytics uma estratégia ainda melhor. Os líderes têm uma grande responsabilidade na aplicação dessas práticas. Por isso, é fundamental que estejam atreladas à gestão de pessoas. Veja:  

  • Preparar os dados corretamente;  
  • Assegurar a privacidade dos dados;  
  • Ter uma equipe específica para trabalhar com People Analytics;  
  • Ter um olhar humanizado sobre as informações;  

  • Utilizar a tecnologia como aliada;  
  • Obter auxílio de uma equipe e ouvir os colaboradores;  
  • Analisar os dados;  
  • Criar estratégias embasadas nos dados.  

Percebe como essa estratégia auxilia na liderança? Além disso, faz com que a tomada de decisões em relação aos colaboradores seja mais assertiva.   

Agora, conheça alguns erros na gestão de pessoas e consiga evitá-los e, consequentemente, ampliar a liderança de maneira positiva e rentável.  

Erros na gestão de pessoas  

Primeiramente, recomendamos que você entenda a importância da gestão de pessoas em sua liderança. Citamos, pois um bom líder sabe identificar problemas e corrigi-los.   

Portanto, acompanhe a lista e, caso você identifique algum desses erros em sua gestão de pessoas, os corrija e comece a agir de maneira mais crítica e estratégica.  

  1. Falhas na comunicação  

Parece uma tarefa simples, mas ainda há gestores que têm dificuldade e acabam falhando na hora de se comunicar com os colaboradores. Contudo, isso pode se reverter.  

Por meio do diálogo mútuo e respeitoso, é possível que você acerte na comunicação com a equipe e consiga ter clareza em passar a informação desejada.  

  1. Problema em delegar tarefas  

Sabia que, nos EUA, 35% dos executivos afirmam que precisam aprender a delegar tarefas para melhorar? Esse é um dado revelado pela pesquisa realizada pela Universidade de Stanford.  

Portanto, não delegar tarefas dificulta igualmente a gestão de pessoas, na realidade, atrapalha bastante. Além disso, se você não delegar atividades, é bem capaz que você fique sobrecarregado.  

Com a centralização das tarefas, os líderes impedem que seus colaboradores demonstrem suas capacidades, contribuam para a ampliação dos negócios e dificulta os resultados.  

  1. Falta de confiança na equipe  

A ausência de confiança ou uma baixa confiança é outro problema comum entre gestores. Contudo, é algo que pode ser consertado, basta apenas que os líderes compreendam que seus colaboradores são profissionais qualificados e capazes.  

Assim que um líder compreende que a equipe é formada por profissionais que estão ali para exercer suas funções, a confiança é elevada.  

Desse modo, a gestão de pessoas é executada com mais entrosamento entre líderes e profissionais. Vale ressaltar que esse é um processo que demanda um pouco de tempo e dedicação. 

Outros problemas enfrentados pelos líderes  

Além dos três erros citados acima, ainda há problemas significativos. Por conta dessas falhas, os gestores acabam atrapalhando o processo da gestão de pessoas. Acompanhe.  

  1. Não proporcionar feedbacks  

Segundo uma matéria da Forbes, 44% dos mais de 8 mil líderes ouvidos pelo veículo disseram que o feedback é uma atividade estressante. Tal dado demonstra como ainda gestores têm dificuldade em proporcionar um retorno aos profissionais da empresa.  

  1. Dificuldade em motivar os colaboradores  

Um dos pontos mais importantes da gestão de pessoas é motivar individualmente os colaboradores por sua atuação. Dessa maneira, quando os líderes não praticam isso, os profissionais acabam se sentindo desmotivados.  

E, ainda há outros erros, que são:  

  • Não reconhecer bons trabalhos;  
  • Criar metas impossíveis;  
  • Falta de clareza na mensagem;  

  • Políticas de RH inadequadas;  
  • Não utilizar a tecnologia com a favor da equipe.  

Conclusão  

Os gestores compreendem que a gestão de pessoas é importante para o bem dos negócios, mas que é comum que ocorram algumas falhas no processo. Por isso, começar a corrigir esses erros é o principal passo.  

Você também pode utilizar a tecnologia a favor da gestão de pessoas. Mas, como? Bom, existem algumas soluções que auxiliam líderes e profissionais de RH.  

O Portal RH, por exemplo, é uma ferramenta capaz de unir os setores. Por meio dele, os profissionais conseguem se comunicar com o RH, repassar demandar, sanar dúvidas e demais tarefas.  

Agora que você entendeu quais são os erros mais comuns que os gestores praticam na gestão de pessoas, é a hora de reinventar sua liderança e ampliar o entrosamento com as equipes! 

Lorem Ipsum

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s.

Artigos relacionados

Quais as prioridades de tecnologia para 2022, segundos CIOs?
Como um CHRO pode se tornar mais estratégico em 2022?
Gestão Ágil veio para ficar ou é uma tendência passageira?